A Paz do Senhor Jesus!

A Paz do Senhor Jesus! Seja bem vindo. Assista nossos vídeos:



Loading...

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Onde há esperança? Humildade ou soberba?



Quando vemos e parece que a impiedade irá prevalecer. Que a injustiça armou os seus laços. Que o iníquidade prosperou em seu caminho. Que o roubo ajuntou tesouros e construiu a sua casa. Que o adultério arraigou-se na terra e lança seus frutos. Então muitas vezes nos perguntamos: Onde está Deus? Onde está a justiça. Onde está o Seu livramento. Podemos terminar nos enredando na teia da ira, da falta de perdão, da amargura e da irritabilidade (assista o filme O Peregrino). Paremos, meditemos e creiamos em sua palavra que não passará:


“Assim diz o Senhor Deus: Também eu tomarei um broto do topo do cedro, e o plantarei; do principal dos seus renovos cortarei o mais tenro, e o plantarei sobre um monte alto e sublime.
No monte alto de Israel o plantarei; e produzirá ramos, e dará fruto, e se fará um cedro excelente. Habitarão debaixo dele aves de toda a sorte; à sombra dos seus ramos habitarão.
Assim saberão todas as árvores do campo que eu, o Senhor, abati a árvore alta, elevei a árvore baixa, sequei a árvore verde, e fiz reverdecer a árvore seca; eu, e Senhor, o disse, e o farei.”
Ezequiel 17:22-24                                                                                                                                         

Porém a nossa jornada é por algo MUITO MAIOR. O Senhor nos ensina a sermos fieis no pouco: Quem é fiel no pouco, também é fiel no muito; e quem é injusto no pouco, também é injusto no muito. Lucas 16:10 .
Querido, sinceramente, para mim a passagem por esta terra é apenas um pequeno capítulo se comparado à eternidade. Não quero parecer que anseio a morte pois realmente amo a vida e tudo o que o Senhor tem me dado. Porém se comparado á Glória em que viveremos, pela graça de Jesus, o verdadeiro monte alto, o que temos nesta terra não passam de gotas de tudo aquilo que o Senhor quer fazer por nós. Os céus do Senhor são algo maravilhosamente indescritíveis. A riqueza da Nova Jerusalém celestial firmada na rocha eterna que é cristo, pede um estudo separado: portões de pérola, riquezas e sutilezas inefáveis. Mas para aqueles que buscam ao Senhor o céu começa aqui nesta terra.

O Senhor Jesús nos aconselha na riquíssima oração do Pai Nosso a clamar para que a vontade do senhor seja feita aqui nesta terra como no céu: venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu; Mateus 6:10. 



No céu do Senhor não há doenças, fome, desamparo, injustiça, morte, pecado, ou, “idolatria, a feitiçaria, as inimizades, as contendas, os ciúmes, as iras, as facções, as dissensões, os partidos” Gálatas 5:20 Nos céus do Senhor reina a plenitude. Esta plenitude o Senhor quer te dar hoje. Suprir toda a tua necessidade. Enxugar toda lágrima a rolar. Consolar o teu coração como somente Ele pode fazer. Querido creia que o Senhor quer te elevar a um maior nível de comunhão com Ele. Busque-o porque se você busca-lo  irá acha-lo: essa é sua promessa. 

Derrame o seu coração aos pés de Jesus. Lave os pés de Jesus com as suas lágrimas como Maria Madalena o fez num gesto de reverencia a Jesus o filho de Deus. Tenha ousadia de tocar na orla do manto desse judeu. Na ora de seu manto há vitória, há unção, poder e principalmente um amor que quebranta até o mais duro dos homens. As cadeias, os grilhões da morte e do inferno não poderão te deter se você clamar por libertação e plenitude NO NOME DE JESUS. Clame perdão por seus pecados ao Pai. Todos nós carecemos de seu perdão. Lave a sua alma. Busque-o de todo coração. As crianças choram: seja como uma criança reconquiste a sua sensibilidade. O mundo nos ensina a não chorar como as crianças. Sermos duros insencíveis e apáticos. Mas Jesus nos alerta a sermos como crianças. “Em verdade vos digo que se não vos converterdes e não vos fizerdes como meninos, de modo algum entrareis no reino dos céus.” Mateus 18:3

Ele te quer ter por completo porque Ele te ama muitissimo: o calvário ilustra a “loucura” de amor do Deus Pai, e de Jesus, pelos homens. O Seu amor não pode ser medido. Os seus caminhos não podem ser sondados.

Talvés hoje você não entenda porquê está passando por isto ou aquilo na vida. Mas um dia você verá a tua história como um grande quebra-cabeças que viaja no tempo e no espaço e que interage com muitas outras pessoas de maneiras tremendas. Somente a sabedoria e inteligência de Deus pode sondar os seus caminhos. Para o homem fica a confusão de rostos e mentes. 






Quanto mais os cientistas estudam o universo mais ficam abismados com o seu tamanho e complexidade. A psicologia e o estudo da mente humana também é riquissima e inexplicável em muitos aspectos. A vida na terra com seus sistemas e formas de vida dimitutas e ao mesmo tempo tão infinitesimanente complexas nos deixa abismados. Que dizer das profundezas da terra: as placas tectônicas, ciclos da água, carbono, camada de ozônio,  etc. A complexidade é tremenda. Nós não podemos ser obras do acaso.

Se você não entende por que passa por isto ou aquilo busque apenas a Deus. Somente ele poderá tratar o teu ser. Seja humilde e aprenda a depender mais dele. Peça para Ele te mudar. Rompa a carapaça do orgulho e da prepotência que engessam a tua liberdade. Seja verdadeiramente livre. Busque o autor de toda a criação. Busque-o da forma que você estiver: Jesus não veio pelos sãos mas pelos perdidos. 

Tenha a coragem de assumir as suas fraquezas. Seja forte. Somente aquele que é forte depende do outro. Porque depender de outro exige entrega. E para haver entrega é preciso ter coragem. Por isso o Senhor nos aconselha a sermos fortes e corajosos: “Não to mandei eu? Sê corajoso, e forte; não te atemorizes, nem te espantes; porque Jeová teu Deus está contigo, por onde quer que andares.” Josué 1:9.



Lance-se às mãos Dele. Depender de Deus não é vergonha. Mas é a única coisa de que o Senhor permite que nos orgulhemos: “mas o que se gloriar, glorie-se nisto: em entender, e em me conhecer, que eu sou o Senhor, que faço benevolência, juízo e justiça na terra; porque destas coisas me agrado, diz o Senhor.”
Jeremias 9:24
Para conhecer a Deus precisamos nos atirar em suas mãos, mergulhar fundo e nos render por completo. Mergulhe no MAR DE DEUS e você descobrirá um universo surpreendente.




Um dia uma amiga minha me contou que estava cansada de estar sozinha. Ela já tinha mais de cinquenta anos de idade e tinha se separado duas vezes. Para ela a possibilidade de otro campanheiro e marido pareciam impossíveis. Ela testemunhou que um dia adentou em uma igreja e clamou: clamou com toda a sua alma, chorou aos pés da cruz e pediu a Deus por um marido. No dia seguinte ela conheceu um homem a milhares de quilômetros: em Cuba.

Namorou pelo telefone e internet durante meses. Um dia tomou coragem e comprou uma passagem de avião. Mas ela somente tinha dinheiro para a passagem de ida. Durante o vôo uma das compania aéreas da conexão aérea que ela fez teve problemas de atraso. Para recompensar os passageiros pelos inconvenientes ofereceu a cada cliente uma passagem extra de avião. Porém como minha amiga é brasileira, e esta compania não opera no Brasil, somente ela recebeu o seu bônus em dinheiro vivo. Era o dinheiro que exatamente faltava para ela comprar a passagem de volta.

O encontro com seu pretendente foi um sucesso. Pouco tempo depois "o cubano" veio para o Brasil e eles se casaram. Hoje ela tem uma família restaurada. Podemos ver nesse caso que o Senhor nunca desampara o necessitado. Os seus ouvidos estão atentos ao clamor sincero da alma. Ele quer te amparar! Ele anseia por te tomar em seus braços. Então quando tudo estiver por perdido ele cumprirá uma a uma as promessas que Ele tem para a tua vida. Quando tudo estiver perdido pois assim a honra será somente Dele. E você entenderá um pouquinho o quanto ele te ama e se entregará cada vez mais nesse relacionamento.

Palavras de direcionamento:

Melhor é ser humilde de espírito com os pobres, Do que repartir os despojos com os soberbos. Provérbios 16:19

Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para as vossas almas. Mateus 11:29

Eu vos envio como ovelhas no meio de lobos; sede, pois, prudentes como as serpentes, e simples como as pombas. Mateus 10:16

A revelação das tuas palavras alumia; Dá entendimento aos simples. Salmos 119:130

“E ouvi uma grande voz, vinda do trono, que dizia: Eis que o tabernáculo de Deus está com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e Deus mesmo estará com eles.
Ele enxugará de seus olhos toda lágrima; e não haverá mais morte, nem haverá mais pranto, nem lamento, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas. E o que estava assentado sobre o trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E acrescentou: Escreve; porque estas palavras são fiéis e verdadeiras. Disse-me ainda: está cumprido: Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim. A quem tiver sede, de graça lhe darei a beber da fonte da água da vida. Aquele que vencer herdará estas coisas; e eu serei seu Deus, e ele será meu filho. “
Apocalipse 21:3-7

terça-feira, 15 de novembro de 2011

No Jardim do Getsêmani


“O Getsêmani era um jardim. Num jardim começou o inverno existencial de cristo. Não havia lugar melhor onde ele pudesse ser preso. Aquele que fora o mais excelente semeador da paz tinha de ser preso num jardim, e não na aridez de um deserto. O jardineiro da sabedoria e da tolerância foi preso no jardim do Getsêmani.
Getsêmani significa azeite. O azeite é produzido quando as azeitonas são feridas, esfoladas e esmagadas. Lá no Getsêmani, aquele homem dócil e gentil começaria a ser ferido e esmagado por seus inimigos.“


“Cerca de 9 a 12 horas antes de ser crucificado, Jesus se encontrava no Jardim do Getsêmani. Estava ofegante, taquicardíaco. Seus pulmões procuravam mais oxigênio. Ele havia predito quatro vezes como morreria. Agora se preparava para a longa noite de escárnio, deboches e acoites e, em seguida, para a crucificação.
Bebia seu cálice amargo na mente. Tinha que se equipar para suportar o insuportável. O estresse foi tão intenso que foi vítima de um caso raríssimo na medicina: os capilares sanguíneos romperam-se, extravasando hemáceas junto com o suor. Só Lucas, biógrafo que era médico, descreveu com um acurado olhar clínico.
O mais tranqüilo dos homens vivenciou o mais alto patamar da ansiedade, gerando uma reação depressiva momentânea e intensa. Todas as células do seu corpo clamavam através dos sintomas psicossomáticos para que ele fugisse da cena. Mas ele permanecia. Seu desejo? Fazer a vontade de seu Pai.
Jesus estava no apogeu da fama. Se quisesse ser um herói religioso, deveria esconder seu drama, camuflar sua fragilidade. Mas, ao contrário da maioria dos líderes religiosos, ele chocou a psiquiatria e a psicologia clínicas. Chamou três discípulos, Pedro, Tiago e João, e teve a coragem e o desprendimento de dizer-lhes que sua alma estava profundamente deprimida até a morte.
Sabia que Pedro o negaria e que os dois irmãos, Tiago e João, o abandonariam. Mesmo assim abriu-se com eles, foi honesto, transparente. Ensinou-nos assim a agir da mesma forma, mesmo quando as pessoas nos decepcionam. Ensinou-nos a não viver isolados. Devemos sempre abrir nosso coração com alguns amigos. “...
“Gostamos de repartir o sucesso, mas somos péssimos para compartilhar os fracassos, os temores, as angústias. As sociedades modernas tornam-se fábricas de pessoas que simulam suas reações. Grande parte dos sorrisos são disfarces.
‘Foi nesse clima que Jesus, horas antes de morrer, viveu intensamente um dos pensamentos mais vivos da oração do Pai-Nosso: “Faça-se a Tua vontade assim na terra como no céu’ Esse é o décimo sétimo segredo dessa oração, Jesus clamou ansiosamente: ‘Pai, afasta de mim este cálice, mas não se faça a minha vontade, mas a Tua vontade.”
A vontade do seu Pai estava em jogo. Se ele quisesse, sua vontade prevaleceria. Deus só aceitaria um sacrifício de amor, um ato único e espontâneo.
No Jardim das Oliveiras, Jesus viveu o que pregou no Sermão da Montanha. É significativo. As azeitonas são prensadas para produzir um rico azeite. O Mestre da Vida foi prensado pela dor para recriar a memória de Deus.


Jesus não era um suicida. Raramente alguém amou a vida tão intensamente quanto ele, mas, desobedecendo ao clamor de bilhões de células que produzem sintomas psicossomáticos e que rogavam que fugisse, ele ficou. Estava chorando, ofegante, não queria morrer, mas pediu a Deus que executasse a Sua vontade. Estava disposto a ir até o fim.”...
“Ao clamar ‘faça-se a Tua vontade’, Jesus sabia que essa vontade envolveria os insondáveis sofrimentos impostos pela crucificação. E o que era mais insuportável: para agradar o Pai, o filho deveria amar quando odiado, incluir quando discriminado, perdoar quando escarnecido. Tarefa que nenhum ser humano jamais realizou em qualquer foco de tensão.
O que aconteceu com Deus no momento em que Jesus morria? Que fenômenos atingiram a mente desse Pai que o Filho descreveu no alto de uma montanha? Quando Jesus gemia de dor, ocorria na psique de Deus um turbilhão emocional que conquistou uma força incontrolável e invadiu diretamente os solos de sua supermemória. Beira o inimaginável!
Novamente pergunto: Quem mais sofreu? O filho que morria, ou o Pai que assistia? É difícil dizer. Nenhum pai ou mãe desejaria jamais, nem em pensamento, experimentar essa situação.
João, o discípulo que quando andava com Jesus era jovem e inexperiente, escreveu em sua velhice algo que jamais lhe sairá da sua mente: o Pai e o Filho cometeram loucuras de amor pela humanidade (João 3:15).”...
“Eu fico pensando no desespero do Deus do Pai-Nosso ao ver seu filho se contorcendo de dor. Enquanto o filho morria fisicamente, o Pai provavelmente ’morria’ emocionalmente. As seis horas da crucificação foram mais longas do que toda a eternidade para o Deus onipresente.
Durante a travessia nos vales áridos do sofrimento, Deus reeditou as matrizes da sua memória. Usou, com a mais excelente maestria, o princípio das teorias comportamental-cognitivas.
Enquanto o seu filho morria, Ele se expôs ao máximo aos estímulos estressantes e viu passar em sua mente o filme contendo os erros, violências, falsidades, discriminações, agressões, ambições cometidas pela humanidade em todas as eras.


Nunca um pai abandonou um filho num momento extremo, ainda mais um pai amoroso. As cenas indescritíveis das seis horas na cruz penetraram como um raio na memória sofisticadíssima de Deus, causando um vendaval sem precedentes. Foi inesquecível.
Não consigo enxergar de outro modo. Todas as frustrações e decepções causadas pelos seres humanos ficaram diminutas, um grão de areia num deserto. Foi um ato de amor solene que mexeu com fenômenos psicológicos, gerando uma revolução única no funcionamento da mente do Autor da existência. Por isso há um texto nas escrituras em que Deus têm a coragem de dizer ao ser humano: ‘De suas falhas jamais me lembrarei.’
Como Deus pôde esquecê-las, se elas são tão gritantes? Para nós é impossível deletar a memória. Deus não a deletou, Ele a reeditou. Foi um prodígio incrível. Passou a limpo o passado da humanidade. Fez o que não seria possível a qualquer juiz ou sistema jurídico realizar.”...
“Quando Jesus estava no ápice da dor física e emocional, na primeira hora da cruz, ...num esforço sobre-humano clamou:’Pai perdoa-os porque eles não sabem o que fazem.”(Lucas 23:34)
Essa frase possui uma força incalculável. Provavelmente foi a primeira vez na história que um ser humano mutilado e esmagado pelo sofrimento conseguiu abrir as janelas da memória, construir pensamentos com maestria e se preocupar com as pessoas que o torturavam.
Do ponto de vista psiquiátrico, quando alguém está ferido, o Homo bios -  o lado animal ou instintivo – prevalece sobre o Homo sapiens. Não devemos esperar uma resposta inteligente de alguém ferido física e emocionalmente.
Einstein se irritou com os que defendiam o princípio da incerteza da teoria quântica, dizendo “Deus não joga dados”. Freu excluiu amigos que não pensavam como ele. Muitos pensadorews foram mais longe. Perseguiram e ainda perseguem seus discípulos ou parceiros quando sentem ciúmes ou são ameaçados por suas idéias. Nos focos de estresse, nosso lado predador acorda.
Seria compreensível que Jesus reagisse com intensa irritação, violência e ódio contra seus inimigos. Não havia nenhuma condição intelectual para entender, desculpar e incluir seus carrascos. Mas, esfacelando os parâmetros da lógica psicológica, ele os defendeu diante de Deus.”...
“No fundo, toda a humanidade estava representada por esses fariseus, bem como pelos soldados romanos. Reitero: Jesus defendeu todos os seres humanos perante Deus.
Só faltou Jesus acrescentar o que estava implícito: ‘Apesar de tudo eu os amo e sei que Tu os amas. Apesar de eu estar sendo tratado como o mais vil dos homens, Tu és o Pai-Nosso. Não te importes comigo, pensa apenas na humanidade.’ Era como se ele fosse como aquele filho preso entre as ferragens, sangrando e queimando, mas pedindo para seu pai não salvá-lo. Pedindo-lhe para não correr riscos por ele, mas cuidar dos outros irmãos.


O filho chorava sem lágrimas enquanto o Deus Altíssimo descia das alturas e curvava o seu rosto sobre a Terra, desesperado. Eu não consigo descrever essa cena. Cada reação de dor, tremor e asfixia do filho percorria as entranhas do ser de Deus. Ele ficava sufocado quando Jesus não conseguia abrir seus pulmões para respirar.
Ao gritar a plenos pulmões para Deus perdoar os seres humanos que zombavam dele e o matavam, dizendo que eles não sabiam o que estavam fazendo, Jesus, como o mais excelente analista, compreendeu o incompreensível.
Enquanto vivia o drama do Calvário, mergulhou dentro de si e gerou o mais elevado autoconhecimento já atingido em situações de estresse.”...” Ele sabia o que queria. Sua morte não foi um suicídio. Jesus cumpria o mapa da oração do Pai-Nosso.”...
“O Pai e o filho viveram o ápice da compaixão num momento em que qualquer ato solidário parecia inimaginável. Percorreram as avenidas dos seus próprios seres e, ao mesmo tempo, se colocaram no lugar dos humanos e se compadeceram de cada um deles num contexto que era impossível pensar nos outros, apenas em si mesmos.
Amaram quem os odiou, abraçaram quem lhes deram as costas, beijaram quem lhes cuspiu no rosto. Foram livres e fortes, pois só os fortes são capazes de dar a outra face, só os livres têm um romance com a vida e são apaixonados pela humanidade.”

Fonte: CURY, Augusto Jorge. Os segredos do Pai-Nosso. Ed. Sextante, 2006.

Não deixe de assistir no YOUTube - copie e cole na barra de endereços (uma linha por vez):

 http://www.youtube.com/watch?v=vEABzgXZgbc

http://www.youtube.com/watch?v=49E_O9lVfaU


sexta-feira, 11 de novembro de 2011

DEUS ABRE PORTAS QUE NINGUÉM FECHA


E fecha portas que ninguém abre

"Levantai, ó portas, as vossas cabeças; levantai-vos, ó entradas eternas, e entrará o Rei da Glória." Salmos 24:7

"E as suas portas não se fecharão de dia, porque ali não haverá noite." Apocalipse 21:25

"O qual está à destra de Deus, tendo subido ao céu, havendo-se-lhe sujeitado os anjos, e as autoridades, e as potências." 1 Pedro 3:22






Quando Jesus resuscitou adentrou na Nova Jerusalem celestial. Jesus inaugurou as portas de pérola da Cidade Santa. Foi Deus e ao mesmo tempo o primeiro homem puro, Santo e sem pecado que adentrou pela porta principal.

Os anjos que guardavam a porta tocaram as suas trombetas para anunciar que Jesus, o Rei da Glória, estava ultrapassando os portões.

Porta é um lugar de julgamento e justiça. Era nas portas das cidades antigas onde o Rei julgava as questões do povo. Jesús, aquele que nos justificou, e se fez justiça por nós ao cumprir toda a lei. Como nosso advogado frente ao Pai é ele que nos justifica para adentrar pelas portas.

Para o homem pecador seria impossível adentrar na cidade santa mas Jesus nos selou com o Espírito Santo e escreveu os nossos nomes no Livro da Vida. Quando aceitamos a Jesus como nosso único e suficiente salvador o Senhor Deus nos dá um novo nome que nem mesmo os anjos conhecem que escreve em letras de ouro no Livro da Vida. Aquele que tem o seu nome no livro pode adentrar pelos portões de pérola quando o Pai o chama.
Porta também é um lugar de novidade. Nela contemplamos uma nova realidade seja ao sair ou adentrar à cidade. Pelas portas os mercadores chegam trazendo suas mercadorias e riqueza. Porta é lugar de ares frescos e de novos dias. As portas da cidade são lugares muito vigiados pelo exército do rei.

Quando o povo de Israel saiu do Egito Deus ordenos que um cordeiro sem mancha e sem defeito fosse imolado e o sangue aspergido nas portas dos israelitas. Porque é o sangue do cordeiro de Deus, Jesus, que nos remiu e comprou e o cordeiro o representava. Após esta celebração que foi chamada de páscoa o povo dormiu em paz à noite mantendo suas portas fechadas. Deus mandou seu anjo que matou a todo o primogênito dos filhos de Egípcios e de seus animais.

A lei do Senhor manda dedicar todo filho primogênito e a primeira cria de todo animal a Deus. 
Ao descumprirem a lei de Deus, por ignorância, e tentarem manter cativo o povo de Deus o Senhor terminou por abrir também as portas do mar Vermelho a seu povo, mas a seus inimigos fez cair as ondas sobre suas cabeças. Deus abriu as portas do mar para o seu povo passar. Entendemos assim que quanto mais o teu inimigou te perseguir mais Deus vai operar e realizar milagres na tua vida. Por isso Jesus disse para nos alegrarmos quando fossemos perseguidos pelo seu Nome. Mas vejamos o que a Palavra do Eterno diz que ocorreu lá no êxodo de seu povo:

“Então Moisés estendeu a sua mão sobre o mar, e o SENHOR fez retirar o mar por um forte vento oriental toda aquela noite; e o mar tornou-se em seco, e as águas foram partidas.
E os filhos de Israel entraram pelo meio do mar em seco; e as águas foram-lhes como muro à sua direita e à sua esquerda.
E os egípcios os seguiram, e entraram atrás deles todos os cavalos de Faraó, os seus carros e os seus cavaleiros, até ao meio do mar.
E aconteceu que, na vigília daquela manhã, o SENHOR, na coluna do fogo e da nuvem, viu o campo dos egípcios; e alvoroçou o campo dos egípcios.
E tirou-lhes as rodas dos seus carros, e dificultosamente os governavam. Então disseram os egípcios: Fujamos da face de Israel, porque o SENHOR por eles peleja contra os egípcios.
E disse o SENHOR a Moisés: Estende a tua mão sobre o mar, para que as águas tornem sobre os egípcios, sobre os seus carros e sobre os seus cavaleiros.
Então Moisés estendeu a sua mão sobre o mar, e o mar retornou a sua força ao amanhecer, e os egípcios, ao fugirem, foram de encontro a ele, e o SENHOR derrubou os egípcios no meio do mar,
Porque as águas, tornando, cobriram os carros e os cavaleiros de todo o exército de Faraó, que os haviam seguido no mar; nenhum deles ficou.”
Êxodo 14:21-28






OHHHH MARAVILHAS!!! Não há mar de impossibilidades que segundo a Palavra de Deus você não possa abrir. Se o povo de Deus marcha e não se detem o Senhor faz o milagre. O milagre ocorre a medida que avançamos. O mar é o lugar onde Deus vai dar um ponto final à perseguição do inimigo de Deus. Digo de Deus porque aquele que te persegue sem saber está é perseguindo a Deus. Deus disse: “Quando fixava ao mar o seu termo, para que as águas não traspassassem o seu mando, quando compunha os fundamentos da terra.” Provérbios 8:29
Assim como Deus estabeleceu os limites do mar estabeleceu também os limites do seu inimigo. O povo de Deus é a “luz do mundo” e a luz prevalece sobre as trevas. Não há nenhuma criatura, anjo caído, principado ou potestade que diante de uma ordem veemente  no Nome de Jesus não tenha que sair.



Houve um dia que Jesus e seus discípulos foram para o outro lado do mar da Galileia. Para a província de Gadara.

“E chegaram ao outro lado do mar, à província dos gadarenos. E, saindo ele do barco, lhe saiu logo ao seu encontro, dos sepulcros, um homem com espírito imundo;
O qual tinha a sua morada nos sepulcros, e nem ainda com cadeias o podia alguém prender;
Porque, tendo sido muitas vezes preso com grilhões e cadeias, as cadeias foram por ele feitas em pedaços, e os grilhões em migalhas, e ninguém o podia amansar.
E andava sempre, de dia e de noite, clamando pelos montes, e pelos sepulcros, e ferindo-se com pedras.
E, quando viu Jesus ao longe, correu e adorou-o.
E, clamando com grande voz, disse: Que tenho eu contigo, Jesus, Filho do Deus Altíssimo? conjuro-te por Deus que não me atormentes.
(Porque lhe dizia: Sai deste homem, espírito imundo.)
E perguntou-lhe: Qual é o teu nome? E lhe respondeu, dizendo: Legião é o meu nome, porque somos muitos.
E rogava-lhe muito que os não enviasse para fora daquela província.
E andava ali pastando no monte uma grande manada de porcos.
E todos aqueles demônios lhe rogaram, dizendo: Manda-nos para aqueles porcos, para que entremos neles.
E Jesus logo lho permitiu. E, saindo aqueles espíritos imundos, entraram nos porcos; e a manada se precipitou por um despenhadeiro no mar (eram quase dois mil), e afogaram-se no mar. “

Marcos 5:1-13

Vemos que assim como foi com Moises na beira do mar o Senhor Jesus, justiça nossa, liberta o homem que é perseguido. Uma legião de demônios não apenas perturbava mas dominava totalmente aquele homem. Mas quando a luz de Cristo chegou àquela praia tudo mudou. O alfa e o ômega pisou na areia. A Glória de Deus iluminou as trevas do cimintério. Não havia mais sombras para eles se esconderem. Os demônios ficaram apavorados diante da visão espiritual da maravilhosa luz de Cristo com anjos o servindo. Mas o que uma legião de demônios pode fazer diante do Deus de toda a criação. Somente clamar misericórdia! E foi isso o que eles fizeram. Pediram para entrar em uma vara de porcos e se precipitaram ao mar. 

Aprendemos que assim como foi com Moisés, a presença de Deus é como o paraíso para o seu povo: um paraíso de fartura, portas abertas, graça, misericórdia, paz, alegria e amor. Porém para os seus inimigos o pavor, os despenhadeiros, os vagalões de ondas, a morte, o inferno, a sequidão, a falta de paz, a tristeza e o desamor são uma constante. Porque quem poderá pelejar contra Deus. Aquela legião de demônios, pois esse era seu nome, era como uma legião romana, que tinha mais de 4.000 soldados livres fora servos. Eles fizeram o que o que era a saída mais rápida: a precipitação. A falta de paz e o pavor fazem que o inimigo se precipite. Terminaram por dar um fim a si mesmos para não encarar a ira de Deus. 


O Senhor já nos alerta sobre contender com ele (veja a postagem Ele esmiúça pedras). Ninguém pode ser contra nós se Deus é por nós."Que diremos, pois, a estas coisas? Se Deus é por nós, quem será contra nós? Romanos 8:31 

Diante da presença de Deus até os montes se abalam quanto mais o simples mortal de carne e osso ou os anjos caídos. O plano de Deus para a tua vida ninguém poderá reescrever. Aquilo que o Senhor prometeu Ele é fiel para o cumprir. O Senhor não é filho de homem para que minta nem filho de homem para que se arrependa. . Ele deu uma visão a José de que onze espigas: os seus irmãos se prostrariam. demoraram anos para se cumprir essa visão, mas ela se cumpriu. Um dia ele me disse: " A minha mão não treme". Realmente Deus faz tudo perfeito!!!




Você conhece a Palavra de Deus? Tem a buscado? Você sabe, o que Deus tem prometido para ti? Qual é o plano dele para tua vida? Quais são as suas promessas para ti. O que Ele sabe que você não sabe? O que Ele que te dar? O que você precisa receber de Deus?Somente saúde e paz é muito pouco diante do Deus de toda a criação. Ele quer ser mais, muito mais, do que o rei Assuero foi para a rainha Ester. Este lhe prometeu até metade do seu  reino. Deus quer trazer o Reino celestial completo para a tua vida!!! Nada é impossível para aquele que crê!!! A fé move montanhas quando pedimos somente ao Pai em nome de Jesus e segundo Sua vontade.
Jesus é a porta, quem adentrar por Ele encontrará pastagens. "Tornou, pois, Jesus a dizer-lhes: Em verdade, em verdade vos digo que eu sou a porta das ovelhas." João 10:7

Jesus tem preparado um lugar de descanso e paz para você. Um lugar de comunhão e intimidade com o bom pastor de nossas almas. Não há melhor lugar para estar como aos pés de Jesus que é cordeiro de Deus e ao mesmo tempo Leão da tribo de Judá. 



Um dia os discípulos de Jesus estavam com medo e tristes. O seu mestre havia sido morto. Os sacerdotes planejavam prendê-los. Jesus que é a porta apareceu de repente na sala que eles estavam. Grande foi o espanto mas Jesus disse: "Não temas". Jesus é a porta ele não precisa de portas para entrar na tua vida. Ele busca pessoas que o busquem, e que suas almas clamem por Ele. Naquela tarde os corações dos discípulos, permitam-me dizer: clamavam pelo mestre, mui querido, que parecia que havia sido roubado.




"Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos-á. 
Porque, aquele que pede, recebe; e, o que busca, encontra; e, ao que bate, abrir-se-lhe-á. 
E qual de entre vós é o homem que, pedindo-lhe pão o seu filho, lhe dará uma pedra? 
E, pedindo-lhe peixe, lhe dará uma serpente? 

Mateus 7:7-13



“E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus.
E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas.
E o que estava assentado sobre o trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E disse-me: Escreve; porque estas palavras são verdadeiras e fiéis.
E disse-me mais: Está cumprido. Eu sou o Alfa e o Omega, o princípio e o fim. A quem quer que tiver sede, de graça lhe darei da fonte da água da vida.
Quem vencer, herdará todas as coisas; e eu serei seu Deus, e ele será meu filho.
Mas, quanto aos tímidos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos fornicadores, e aos feiticeiros, e aos idólatras e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago que arde com fogo e enxofre; o que é a segunda morte.”
Apocalipse 21:3-8

Jesus te ama e eu também!!!

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

O Universo sabia que íamos chegar?



"Imagine-se entrando em seu quarto de hotel, numa viagem de férias. Você nota que o toca-CD, na mesa de cabeceira, está tocando uma faixa de seu disco favorito. A estampa emoldurada acima da cama é idêntica à que fica acima da lareira em sua casa. O ar está perfumado com sua fragrância predileta. Você meneia a cabeça com espanto e pousa as malas no chão. De súbito, fica muito curioso. Anda até o bar num canto e vê, maravilhado, suas bebidas, biscoitos e doces favoritos. Até a marca da água mineral é a que você prefere. Vira-se e olha em volta do quarto. Vê um livro sobre a mesa. É o mais recente de seu autor favorito. Vai olhar no banheiro, onde produtos de higiene pessoal estão alinhados no balcão, e parece que cada um deles foi escolhido especificamente para você. Liga a televisão, sintonizada no seu canal favorito.

E a cada nova descoberta a respeito de seu hospitaleiro novo ambiente, você fica menos inclinado a acreditar que se trata de mera coincidência, não é verdade? Então, imagina como foi que a gerência do hotel conseguiu informações tão detalhadas sobre você. Talvez fique assombrado com tão meticulosa preparação e até pense no que aquilo tudo vai lhe custar. Mas certamente acabará acreditando que alguém sabia que você ia chegar."





Fonte: FLEW, Antony com VARGHESE, Roy Abraham. Um ateu garante: Deus existe as provas incontestáveis de um filósofo que não acreditava em nada. tradução Vera Maria Marques Martins. Ediouro, São Paulo, 2008.

Assista a Verdade sobre o surgimento de vida na Terra: http://www.youtube.com/watch?v=t8ewB2oxXic&feature=feedlik



terça-feira, 8 de novembro de 2011

Ele esmiúça pedras

A palavra de Deus é fogo e como uma rocha muitíssimo dura como não há aqui nesta terra como um martelo poderossísimo que esmiúça outras pedras: “Porventura a minha palavra não é como o fogo, diz o SENHOR, e como um martelo que esmiuça a pedra?” Jeremias 23:29.



Diante de Cristo até a mais dura pedra na face da terra, o diamante, se transforma em pó: ele é esmiuçado. Jesús é a palavra viva e a rocha de nossa salvação. Ele é a pedra que foi rejeitada pelos homens e tornou-se a pedra principal: “Ele é a pedra que foi rejeitada por vós, os edificadores, a qual foi posta por cabeça de esquina. Atos 4:11

Em técnicas construtivas de alvenaria de pedra a "pedra de esquina" é a que sustenta a construção “amarrando” as paredes. A pedra de esquina é a pedra mais solicitada mecanicamente e que suporta todos os esforços do edifício.

Em Daniel 2:34 ele fala profeticamente sobre Jesús, que é a pedra que foi cortada, e que destruirá definitivamente o principado do inimigo e instaurará o Reino Eterno do Messias: ”Estavas vendo isto, quando uma pedra foi cortada, sem auxílio de mão, a qual feriu a estátua nos pés de ferro e de barro, e os esmiuçou." Daniel 2:34 Vemos nesta passagem o poderio da Rocha que é Cristo: que tem poder de até esmuçar o ferro. O ferro, o aço, o ferro fundido e todas as ligas de metais diante de Jesús se transformam em pragana: “ Então foi juntamente esmiuçado o ferro, o barro, o bronze, a prata e o ouro, os quais se fizeram como pragana das eiras do estio, e o vento os levou, e não se achou lugar algum para eles; mas a pedra, que feriu a estátua, se tornou grande monte, e encheu toda a terra.” Daniel 2:35

Quando o mundo opta por suas construções de “pedras mundanas” e rejeita a Jesús. E não somente o rejeita mas também tenta destruir o Filho de Deus. Então Deus os entrega às suas próprias conscupicências: ao inimigo, aquele que veio para "roubar, matar e destruir". Então este, o verdadeiro opositor de todo ser humano acaba por destruir aquilo do qual o homem se gabava. Vejamos o que Jesus disse que ocorreria com Jerusalém a cidade que um dia rejeitou a Deus: “E, respondendo Jesus, disse-lhe: Vês estes grandes edifícios? Não ficará pedra sobre pedra que não seja derrubada.” Marcos 13:2

“E te derrubarão, a ti e aos teus filhos que dentro de ti estiverem, e não deixarão em ti pedra sobre pedra, pois que não conheceste o tempo da tua visitação.” Lucas 19:44

Esta palavra diata por Jesus se cumpriu setenta anos depois e Jerusalém foi destruida e o povo judeu espalhado até os confins da terra por mais de 1.800 anos. Isso ocorreu com o seu povo amado. Porém a aliança de Deus com o povo de israel permanece para sempre, e em 1948 foi criado o estado de Israel. Ocorreu e vinha ocorrendo então a peregrinação de milhões de judeus para Israel. Ainda assim Jerusalém é palco de mortes e conflitos até os nossos dias.

Deus não tem prazer em que o homem se perca e se destrua a si mesmo. Ele dá incontaveis oportunidades de arrependimento e salvação por sua graça e misericórdia. Porem Deus é Santo, que quer dizer separado, puro, e justo. Deus não se deixa escarnecer: Deus é um Deus também de justiça: não toma o culpado por inocente.

Imagine que você é um jardineiro que possui um lindo jardim. Você também tem plantas especiais plantas que tem OPORTUNIDADE DE ESCOLHA. Um dia uma planta do seu jardim, apesar de incontáveis alertas, ESCOLHE SE DEIXAR CONTAMINAR por uma doença. Você então poda os galhos contaminados, aplica inceticida ou funguicida. Passam-se semanas e aquela planta não reage mas vai de mal a pior. Não adianta colocá-la na luz, afaga a terra, coloca húmus e nutrientes e ou regá-la. A planta tem prazer na doença e a enfermidade maligna se espalha por toda a planta. A doença agora já ameaça contaminar as mais exuberantes e lindas plantas floridas do seu jardim, não por escolha destas, mas pelo convívio nefasto. O que você faria? Certamente você remove a planta do jardim antes que o mal se espalhe.

Pois Deus também cuida da humanidade como nós cuidamos de um jardim. Deus coloca limites à humanidade assim como nós, ao jardim, colocamos pequenos muros de pedra para dar limite à terra e às plantas. Os limites existem para serem respeitados. Se uma planta cresce muito e utrapassa os limites por VONTADE PRÓPRIA, lembremos que são plantas "especiais", então elas estarão sujeitas a também serem cortadas ou até removidas totalmente.

Os homens entregues ao pecado ficam insensíveis e doentes. Desenvolvem verdadeiros corações de pedra. Cobrem o seu ser com as obras da carne, que são : “adultério, prostituição, impureza, lascívia, Idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias, Invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, e coisas semelhantes a estas” Gálatas 5:19-21. Mas negam o Espírito Santo e as coisas espirituais.

A boa notícia é que para todos esses que tem corações de pedra o Pai ainda oferece uma saída. Pois todo aquele que o busca o encontra. Devemos busca-lo enquanto há tempo. Para muitos o tempo já se esgotou mas se você está vivo ainda há tempo. Deus quer te dar um novo coração:

E lhes darei um só coração, e um espírito novo porei dentro deles; e tirarei da sua carne o coração de pedra, e lhes darei um coração de carne; Ezequiel 11:19


Deus que te dar um coração de carne não para viver das obras da carne mas para viver da água do seu Espírito Santo. Deus quer esmiuçar a pedra do pecado mas ao pecador ele oferece mover a pedra do seu coração. Há mais de dois mil anos uma pedra também foi movida. Homens tolos pensaram que pedras deste mundo poderiam reter o autor da vida:

"E acharam a pedra revolvida do sepulcro." Lucas 24:2



E Jesus havia resuscitado, então o anjo disse: "e porquê procurais o vivo entre os mortos?"
Devemos procurar a Jesus em Espírito sabendo que Ele vive.

Deus hoje também que mover a pedra do sepulcro em tua vida e resuscitar aquilo que estava morto para os homens. Somente há uma rocha que prevalece Ele é como um grande seixo e Dele saem águas da vida de Deus. O seu Nome é Jesus:

“O qual converteu o rochedo em lago de águas, e o seixo em fonte de água.” Salmos 114:8

Quando intentarem matar a ti, os teus filhos ou teu ministério lembra-te que antes de ti intentaram matar a Jesus, o Filho de Deus e o seu ministério nesta terra. "Não é o discípulo maior que o mestre". A alegria é também saber que eles não conseguiram deter a vida de Jesus e não conseguirão deter a tua vida. E para desespero do inimigo a obra de Deus cresceu ainda muito mais. Mais aí daqueles que o intentaram: “quem estendeu a sua mão contra o ungido do SENHOR, e ficou inocente? “ 1 Samuel 26:9b Lembremos que a justiça pertence a Deus mas ” já o príncipe deste mundo está julgado.” João 16:11b



"Jesus Cristo é a principal pedra da esquina;" Efésios 2:20

"E acontecerá naquele dia que farei de Jerusalém uma pedra pesada para todos os povos; todos os que a carregarem certamente serão despedaçados; e ajuntar-se-ão contra ela todo o povo da terra." Zacarias 12:3

"E, quem cair sobre esta pedra, despedaçar-se-á; e aquele sobre quem ela cair ficará reduzido a pó." Mateus 21:44

"E Davi pôs a mão no alforje, e tomou dali uma pedra e com a funda lha atirou, e feriu o filisteu na testa, e a pedra se lhe encravou na testa, e caiu sobre o seu rosto em terra." 1 Samuel 17:49

"O que cava uma cova cairá nela; e o que revolve a pedra, esta voltará sobre ele." Provérbios 26:27

Assista Lea Mendonça - música Covardia: http://www.youtube.com/watch?v=EG-1wjsGTMM


Belissimo video Quão Grande é o Meu Deus - Soraya Moraes - DVD Grande é o Meu Deus  no YouTUBE: http://www.youtube.com/watch?v=UjNrsEKQjXU




quarta-feira, 2 de novembro de 2011

O JULGAMENTO DE MOABE



 
"Embriaguem-na, pois ela desafiou o Senhor. Moabe se revolverá no seu vômito e será objeto de ridículo.



Não foi Israel objeto de ridículo para você? Foi ele encontrado em companhia de ladrões para que você sacuda a cabeça sempre que fala dele?


Abandonem as cidades! Habitem entre as rochas, vocês que moram em Moabe! Sejam como uma pomba que faz o seu ninho nas bordas de um precipício.


"Temos ouvido do orgulho de Moabe: da sua extrema arrogância, do seu orgulho e soberba, e do seu espírito de superioridade.


Conheço bem a sua arrogância", declara o Senhor. "A sua tagarelice sem fundamento e as suas ações que nada alcançam.


Por isso, lamentarei por Moabe, gritarei por causa de toda a terra de Moabe, prantearei pelos habitantes de Quir-Heres.


Chorarei por vocês mais do que choro por Jazar, ó videiras de Sibma. Os seus ramos se estendiam até o mar, e chegavam até Jazar. O destruidor caiu sobre as suas frutas e sobre as suas uvas.


A alegria e a satisfação se foram das terras férteis de Moabe. Interrompi a produção de vinho nos lagares. Ninguém mais pisa as uvas com gritos de alegria; embora haja gritos, não são de alegria.


"O grito de Hesbom é ouvido em Eleale e Jaaz, desde Zoar até Horonaim e Eglate-Selisia, pois até as águas do Ninrim secaram.


Em Moabe darei fim àqueles que fazem ofertas nos altares idólatras e queimam incenso a seus deuses", declara o Senhor.


"Por isso o meu coração lamenta-se por Moabe, como uma flauta; lamenta-se como uma flauta pelos habitantes de Quir-Heres. A riqueza que acumularam se foi.


Toda cabeça foi rapada e toda barba foi cortada; toda mão sofreu incisões e toda cintura foi coberta com veste de lamento.


Em todos os terraços de Moabe e nas praças não há nada senão pranto, pois despedacei Moabe como a um jarro que ninguém deseja", declara o Senhor.


"Como ela foi destruída! Como lamentam! Como Moabe dá as costas, envergonhada! Moabe tornou-se objeto de ridículo e de pavor para todos os seus vizinhos. "


Jeremias 48:26-39